Faleceu, na madrugada de sexta para sábado, Eulálio Gomes dos Santos, o popular Baianinho, compositor e um dos fundadores da Em Cima da Hora. O sambista deu entrada no hospital no dia 30 de junho com o quadro de pneumonia.

O baluarte tinha 83 anos, era nascido na Bahia, veio morar em Cavalcanti aos 10 anos e participou da fundação da Em Cima da Hora em 1959. Também foi o primeiro ganhador do Estandarte de Ouro na categoria samba-enredo em 1973, com “O Saber Poético da Literatura de Cordel”. E fez história com tantos outros sambas na agremiação.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui