O Império Serrano Esporte Clube enfrentou uma verdadeira batalha, na manhã deste domingo, em Moça Bonita, Bangu, contra o Uni Souza, em jogo válido pela Série C do Carioca. A equipe da Serrinha arrancou o empate por 2 a 2 aos 47 do segundo tempo.

Foto: Emerson Pereira/Divulgação

“O jogo mais difícil que tivemos neste campeonato. Suamos a camisa para conseguirmos o empate. A equipe deles é organizada, jogou com as linhas baixas, com jogadores altos, fortes e pegadores. Demos bobeada, quando nosso time todo saiu para o ataque, tomamos o segundo gol, e que não poderia acontecer, mas buscamos o empate. O time deles vai brigar para subir”, disse o técnico Mariano, do Império Serrano.

Nos primeiros dez minutos de jogo, o controle foi do Império Serrano. Keven chamou a responsabilidade e deixa o time verde e branco com as melhores oportunidades. Porém, aos 15 minutos, o Uni Souza abriu o placar com Xaropinho.

Aos 20, o Império quase empatou. Após boa jogada de Keven, Richardson tentou, mas a bola foi para fora. Dois minutos depois, o Uni Souza teve um atleta expulso.

Novamente, Keven teve oportunidade de empatar. Aos 32, ele acabou perdendo uma grande oportunidade na frente do goleiro adversário. Ainda no primeiro tempo, mais uma oportunidade imperiana. Maurício chegou com espaço, mas bateu para fora.

O gol de empate chegou antes do intervalo. Walnei lançou e o artilheiro Keven marcou o gol para o Império Serrano Esporte Clube. Presente para o time verde e branco que teve sete chances na primeira etapa de jogo.

No segundo tempo, o goleiro imperiano, Léo Flores, salvou o time em duas oportunidades. O Império arriscava e sofria nos contra-ataques do adversário. Aos 37, Caíque colocou a UniSouza novamente na frente do placar.

Foto: Emerson Pereira/Divulgação

O jogo ficou ainda mais tenso e com muitas discussões dentro e fora de campo. Aos 47, veio o gol de empate imperiano. Cipiriano encheu a rede do adversário e deixou tudo igual.

A equipe da Serrinha quase virou. Feitosa tentou de cabeça, mas o goleiro defendeu. Fim de papo em Moça Bonita. “Foi um jogo difícil. Os times contra o Império estão dificultando bastante. Vamos buscar a vitória no próximo jogo”, disse Sandro Avelar, presidente do Império Serrano.

Autor do gol do empate no fim, Cipriano ficou bastante emocionado em ser o “salvador” do Império Serrano na partida.

“Esse gol significa muito pra mim. A equipe sabe como tenho trabalho. Hoje, eu fui privilegiado por fazer o empate do nosso empate”, afirmou.

Capitão do time, o goleiro Léo Flores ressaltou sua preocupação com o grupo e o respeito ao adversário. “Você pode ser o Romário ou Maradona, mas não tem que desmerecer ninguém. Tenho história bonita e não desmereço ninguém. Foi um jogo muito difícil, o time deles deu a vida, trocaria qualquer defesa para sair com a vitória. Se olhar pelo lado positivo, nós ganhamos um ponto com esse gol de empate no último minuto. Vamos lutar sempre, como todo imperiano”.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.