Olha a imunização aí, gente! Neguinho da Beija-Flor toma segunda dose da vacina

Com mais de 50 anos de serviços prestados ao carnaval, ele demonstrou apreensão e desespero com a atual situação dos profissionais que trabalham na cadeia produtiva da folia

O intérprete Neguinho da Beija-Flor, um dos principais ícones do carnaval, tomou nesta segunda-feira a segunda dose da vacina contra a Covid-19. O sambista recebeu a primeira dose em março.

Com mais de 50 anos de serviços prestados ao carnaval, ele conversou com o site CARNAVALESCO, quando recebeu a primeira dose, e demonstrou apreensão e desespero com a atual situação dos profissionais que trabalham na cadeia produtiva da folia.

“A minha expectativa era que ficaríamos parados por uns três meses, e com o prolongamento do isolamento começou a bater a preocupação e a ansiedade pelo fim da pandemia. Mesmo com as economias adquiridas com o carnaval, muitos profissionais da música não tiveram renda suficiente e logo começaram as lives para dar um suporte a todos”.

O cantor também respondeu sobre a relação das escolas de samba com seus profissionais.

“Quem nunca passou fome, não sabe o que é não ter nem para comprar um pão com leite, muitos dão a vida pelas suas agremiações. É a paixão do verdadeiro sambista. Realmente, eu vejo que falta mais humanidade das direções das agremiações em reconhecerem os seus profissionais”.

Comentários