Os presidentes das escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro estiveram reunidos na noite desta quinta-feira, na Cidade do Samba, para uma plenária com a direção da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa). Ao site CARNAVALESCO, o presidente Jorge Perlingeiro revelou que o encontro abordou os ensaios técnicos no Sambódromo, os ensaios de rua e como será a celebração dos dias oficiais de carnaval em fevereiro, já que não haverá o desfile na Sapucaí, adiados para abril, mas será feita uma festa para não deixar a data passar em branco.

Foto: Henrique Matos/Divulgação Liesa

“A plenária foi para ajustarmos o organograma dos ensaios técnicos e outras questões. Vamos divulgar em breve (o calendário), estamos vendo a redução dos casos (de Covid-19), o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, acha que terá diminuição mais forte nos próximos dias. Não existe precipitação para esse anúncio do cronograma. Já estamos elaborando e vamos divulgar no momento certo, seguindo orientação da Prefeitura do Rio. Pelo que estamos estudando com todas escolas, vamos medir forças, não de qualidade, mas divisão de torcidas para montarmos esse calendário”, explicou o presidente da Liesa.

Jorge Perlingeiro revelou que haverá no sábado e domingo de carnaval em fevereiro, dias 26 e 27, uma festa na Cidade do Samba, envolvendo todas escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro, além de convidados especiais. Haverá comercialização de ingressos e praça de alimentação. Além disso, a entrada do público será controlada, ou seja, com a apresentação do comprovante de vacinação, como ocorre em todos os eventos na cidade.

“Será um grande espetáculo. Seis escolas em um dia e seis no outro. Vamos fazer uma festa no sábado e domingo de carnaval(dias 26 e 27 de fevereiro). Ainda estamos fechando todo o formato. Terá as presenças das baterias, casais de mestre-sala e porta-bandeira, intérpretes oficiais, convidados especiais, e, pela primeira vez, vamos vender ingressos para o público poder assistir. Nós não podemos deixar passar em branco as datas do carnaval em fevereiro”.

O dirigente da Liesa falou também ao CARNAVALESCO das obras no Sambódromo e o retorno dos ensaios de rua. “Terminamos a frenagem da pista e acredito que segunda-feira que vem já tenhamos avenida totalmente asfaltada e depois pintar em alguns dias. Nossa previsão é termos três fins de semana em março e duas em abril. Não existe restrição para os ensaios de rua, mas poderações e estamos cumprindo. Pretendemos voltar o mais rápido possível, porque é necessário para preparação das escolas”.

Comentários