Belford Roxo vive momento difícil nos últimos dias por conta das fortes chuvas que atingiram a cidade no último final de semanas. São centenas de famílias que perderam tudo nas enchentes e que agora precisam de assistência. Através do programa ‘RJ para todos’, o Governo do Estado já atendeu milhares de pessoas que agora se encontram em situação de vulnerabilidade social. A Inocentes de Belford Roxo esteve na Sapucaí na última quarta e o presidente Reginaldo Gomes falou sobre a situação da cidade.

“A situação lá está muito difícil. Nós já tínhamos esse ensaio de bateria aqui no Sambódromo programado, então não dava para não vir, ainda mais com o desfile próximo. Não vamos ensaiar na rua essa semana, porque a Prefeitura está fazendo uma limpeza na cidade e buscando os recursos necessários para quem está precisando”, disse o presidente da Inocentes de Belford Roxo, antes de complementar:

“A escola já ajudou alguns lugares e fez algumas doações para a comunidade, mas ainda falta muito. O estado agora também está aportando valores para ajudar as famílias que perderam tudo. É muito triste o que aconteceu em Belford Roxo. Acredito que até dia 21, as coisas possam estar melhores, e aí sim, a Inocentes, como um símbolo de resistência, possa fazer um grande trabalho, com a comunidade em alto astral. Vocês podem esperar um desfile que vai brigar pelo título”, concluiu Reginaldo Gomes.

A bateria treinou na última quarta no Sambódromo desfalcada de alguns ritmistas que não puderam estar presentes por conta dos estragos deixados pelas fortes chuvas na cidade. A Inocentes de Belford Roxo é a segunda escola a se apresentar no dia 21 de abril na Marquês de Sapucaí. Para este Carnaval, a agremiação levará o enredo ‘A Meia-Noite dos Tambores Silenciosos’.

Comentários