Foto: reprodução da internet

Como diz um antológico samba da verde e rosa, o intérprete da Mangueira, Marquinhos Art’Samba se casou nesta quarta-feira como um autêntico ‘rei da ralé’. Ao invés da tradicional pompa de matrimônios de figuras conhecidas, o cantor da velha Manga optou por uma cerimônia afro ao oficializar sua união com a passista da Unidos da Tijuca, Cinthya Pereira.

O evento aconteceu na paróquia Paróquia Nossa Senhora das Graças na cidade de Mesquita, Baixada Fluminense. Como não poderia deixar de ser, diversas personalidades do mundo do samba marcaram presença e prestigiaram esse importante momento da vida de Marquinhos. Assim como os noivos, os convidados também adotaram figurinos com alguma temática africana.

Antes da festa houve uma cerimônia candomblecista. Após as obrigações religiosas é claro que todos caíram no samba ao som da inconfundível bateria Tem Que Respeitar Meu Tamborim.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui