Compositores: Cesar Nascimento, Sandro Compositor, Silvio Mesquita, Leandro Barros, Guilherme Braga, Rodrigo Pereira, Raoni Ventapane e Cesar Cruz

CHEGA!
NEGRO NUNCA FOI ESCRAVO NÃO
ESCRAVIZADO PELAS MÃOS DA AMBIÇÃO
MEU POVO NÃO SE ENTREGOU
SE A LIBERDADE É LEI A LEI NÃO ME BASTOU
POIS ESSA LUTA EU SEI QUAL SANGUE DERRAMOU
CANSAMOS DE SER A CAÇA
MEU QUILOMBO É A FAVELA
SALGUEIRO… UM GRIOT SENTINELA
RAIZ NO CHÃO DO TERREIRO
UM BATUQUE QUE NÃO SE CALA

GIRA BAIANA NO TOQUE DO OGÃ
MÃE SOBERANA DA FÉ GUARDIÃ
O SEU ENCANTO QUE ENSINOU
A FORÇA QUE EMANA DESSE TAMBOR
A FORÇA QUE EMANA DESSE TAMBOR

A VELA ACESA EM CADA ALTAR
O PRANTO EM ORAÇÃO, O SANTO É ORIXÁ
LUZ QUE ALIMENTA A ESPERANÇA
ORGULHO DA COR, DA ALMA AFRICANA
É SONHADOR NA ARTE DA VIDA
UM VENCEDOR PRA SARAR AS FERIDAS
VIDAS NEGRAS IMPORTAM
LUTAM PRA NÃO SUCUMBIR
A NEGRITUDE NÃO CANSA
E CANTA PRA RESISTIR

IGUALDADE E RESISTÊNCIA SALGUEIRO
COM TODO RESPEITO O MORRO FALA POR NÓS
MEU SAMBA VAI VENCER O PRECONCEITO
NINGUÉM VAI SUFOCAR A NOSSA VOZ

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui