Diversas personalidades dos carnavais do Rio de Janeiro e de São Paulo entraram na brincadeira de “mudar de gênero”, através do aplicativo FaceApp.

O mesmo aplicativo fez sucesso em 2019 quando transforma o rosto das pessoas, que gerava o “envelhecimento”.

Ele está disponível gratuitamente para iOS e Android e foi desenvolvido pela empresa russa Wireless Lab. O aplicativo gera transformações altamente realistas de rostos humanos em fotografias usando redes neurais baseadas em inteligência artificial.

Surge também a questão do compartilhamento de dados e uso de imagem, afetando a privacida. A empresa informa que “você concede ao FaceApp uma licença global, não-exclusiva, isenta de royalties e totalmente paga para usar, reproduzir, modificar, adaptar, criar trabalhos derivados, distribuir, executar e exibir seu conteúdo do usuário durante o termo deste contrato”.

Veja abaixo as personalidades do carnaval que entraram na onda:

Milton Cunha
Carnavalesco Alexandre Louzada
Mumuzinho
Raissa Machado, rainha de bateria da Viradouro
Carnavalesco Jack Vasconcelos
Sabrina Sato
Carnavalesco Tarcisio Zanon
Coreógrafo Junior Scapin
Musa Renata Santos
Porta-bandeira Jaçanã, da Inocentes de Belford Roxo
Mestre Dudu, da Mocidade
Porta-bandeira Lais Moreira, da Vila Maria
Compositor Samir Trindade
Comentários