Por Victor Amancio

Modelo, atriz e bailarina. Aline Riscado se prepara para o seu primeiro ano como rainha de bateria da Unidos de Vila Isabel. Figura presente em vários ensaios da agremiação da terra de Noel, a rainha mostrou dedicação durante o pré-carnaval. Em sua estreia, Aline Riscado já encontra um grande obstáculo: reinar no lugar de Sabrina Sato. A apresentadora desfilou a frente da Swingueira de Noel durante nove anos e ainda é aclamada pela torcida e os apaixonados pelo carnaval. Aline diz que não pensa na responsabilidade e sim em dar o seu melhor para escola.

“Sem dúvida, os olhares se voltam para o cargo que hoje eu ocupo na Vila, ainda mais por ser uma substituta da Sabrina, mas não penso na responsabilidade, penso que vou dar o meu melhor, sempre, independente de quem eu esteja substituindo, estou ali para ser parte da Vila e me entregar para a comunidade, cada dia mais, como estou fazendo”.

Pensando em conquistar a escola e seus ritmistas Aline diz que o segredo é ser ela mesma.

“Ser nós mesmos. Mostrar, que estamos ali para contribuir com o crescimento da escola, e sem dúvidas deixar a essência falar mais alto, dar o amor sem esperar nada em troca e viver cada momento, como se fosse o último, afinal, é isso que tem tornado cada ensaio mais emocionante”.

Sobre o samba a rainha explica que a sua formação como bailarina a ajuda e que desde o mês de agosto ela está se preparando com aulas de samba. Além do samba no pé, o grande público espera as fantasias das rainhas, Aline conta que sua roupa está sendo produzida pelo estilista Henrique Filho e que será linda.

“O responsável pela minha fantasia é Henrique Filho, estamos preparando uma fantasia linda, não posso falar muito ainda, mas falta pouco, para vocês conferirem. O que posso adiantar é que vai ser uma fantasia leve, confortável, quero me divertir na avenida. Claro, terá glamour, mas eu acho que temos que nos divertir acima de tudo, curtir o momento, a emoção e nos entregarmos, sem nada que incomode meu desempenho na Sapucaí”.

Na concepção da atriz simpatia e felicidade são fatores primordiais para reinar a frente de uma bateria. A rainha neste mês visitou o morro dos Macacos, comunidade da Vila Isabel, para ter um contato maior com o povo de Noel.

“Simpatia e felicidade não podem faltar em uma rainha. O contato com a comunidade, com a escola, estamos ali representando um povo, é preciso que conheçamos este povo, sua história, suas batalhas, para que nos tornemos uma família e estejamos dispostas a representa-los no carnaval, momento que os olhares do mundo estão voltados pro nosso país”.

Comentários