A Liesa realiza nesta quinta o sorteio da ordem dos desfiles do Grupo Especial para o Carnaval 2020. A maioria das escolas já deram início ao projeto de construção do desfile para o próximo ano e apenas três (das 13) que desfilam no Sambódromo no domingo e segunda de carnaval ainda não definiram suas temáticas para o próximo ano, sendo que a União da Ilha anunciará o seu enredo na hora do sorteio. Portanto, apenas Portela e Estácio de Sá conhecerão a posição de desfile antes da definição do enredo.

A grande campeã do Carnaval 2019 anunciou nesta semana o seu tema para 2020. A Mangueira vai apresentar o enredo ‘A verdade vos fará livre’. O título pomposo nada mais é que uma homenagem a Jesus Cristo. A escola passou por um processo eleitoral após os desfiles e elegeu Elias Riche para o lugar deixado por Chiquinho da Mangueira. Toda a equipe campeã teve o contrato renovado e vai para o desfile do ano que vem tentar o bicampeonato.

A Viradouro, vice-campeã de 2019, tem a responsabilidade de repetir o apoteótico desfile apresentado, que deu à escola a segunda melhor colocação em toda a sua história. Embora tenha anunciado a renovação com a escola, Paulo Barros se desentendeu com a diretoria e não permaneceu. A vermelha e branca trouxe os jovens Tarcísio Zanon e Marcus Ferreira, que desenvolverão o enredo ‘Viradouro de alma lavada’. Exceto Paulo Barros, todo o restante da equipe de 2019 permanece.

Terceira colocada em 2019, a Unidos de Vila Isabel é outra que voltou a viver dias de glória, obtendo a sua melhor colocação desde 2013, ano do último título. Assim como Mangueira e Viradouro, a azul e branca não fez qualquer alteração na equipe e vai com o mesmo time para o desfile. O enredo será sobre Brasília, a capital federal, mas com uma temática indígena, desenvolvida pelo carnavalesco Edson Pereira: ‘Gigante pela própria natureza: Jaçanã e um índio chamado Brasil‘.

A Portela, quarta colocada em 2019, tem dois grandes desafios. O primeiro é seguir tendo sorte e conseguindo desfilar na segunda-feira, algo que acontece desde 2014. O segundo é emplacar o sétimo desfile das campeãs seguido, o que garante à Majestade do Samba a liderança no ranking da Liesa. A campeã de 2017 ainda não tem enredo mas realizou mudanças na equipe de 2019. Reeleito, o presidente Luis Carlos Magalhães, trocou a carnavalesca Rosa Magalhães pela dupla Renato Lage e Márcia Lage, que estrearão na azul e branca de Oswaldo Cruz e Madureira.

Depois de conseguir colocar o carnaval na rua em um ano complicado, o Salgueiro virou a página de 2018 muito rápido. A quinta colocada de 2019 foi uma das primeiras escolas a definirem o enredo. Com a equipe totalmente mantida, Alex de Souza vai desenvolver ‘O Rei Negro do Picadeiro’, sobre o primeiro palhaço negro do Brasil, Benjamin de Oliveira.

Ainda mais cedo que o Salgueiro, a Mocidade foi a primeira escola do Grupo Especial a definir o seu enredo para o Carnaval 2020. Depois de anos de insistentes pedidos de seus torcedores, a Estrela Guia vai finalmente homenagear uma de suas figuras mais ilustres, a cantora Elza Soares. ‘Elza Deusa Soares’ será desenvolvido pelo carnavalesco Jack Vasconcelos, que chega na sexta colocada de 2019 no posto deixado por Alexandre Louzada.

A Unidos da Tijuca, em termos de resultado, vive o momento mais conturbado desde que enfileirou três campeonato, dando fim a um jejum de 70 anos. Desde 2016 a escola não volta entre as campeãs. A aposta para o retorno é no reatar de um casamento de muito sucesso. Paulo Barros está de volta. Foi com ele que a escola venceu três de seus quatro títulos. O enredo já foi escolhido, arquitetura e urbanismo. A temática ainda será definida. Os demais integrantes da equipe foram mantidos.

Depois do histórico desfile de 2018, problemas levaram o Paraíso do Tuiuti para a oitava colocação em 2019. Para voltar a encantar a avenida, muitas mudanças. Chegaram o carnavalesco João Vítor, o coreógrafo Márcio Moura e o intérprete Nino do Milênio. O enredo será ‘O Santo e o Rei: Encantarias de Sebastião’.

A Grande Rio é mais uma escola que busca se reinventar para voltar a figurar entre as campeãs. Desde 2015, a escola só voltou duas vezes. Em 2018 foi rebaixada, mas virou a mesa. O desfile de 2019 foi novamente decepcionante e a escola terminou na 9ª colocação. Para 2020, repaginada total. De olho na volta às origens a escola trouxe a dupla Leonardo Bora e Gabriel Haddad, que apresentou o enredo ‘Tata Londirá: O Canto do Caboclo no Quilombo de Caxias’, a primeira temática afro da escola desde 1994.

A União da Ilha do Governador tem na figura do experiente Laíla a sua principal mudança ma equipe para o Carnaval 2020. O diretor de carnaval montou na escola uma nova versão da consagrada comissão de carnaval. Integram a equipe os experientes Fran Sérgio e Cahê Rodrigues e os novatos Larissa Pereira, Anderson Netto, Allan Barbosa e Felipe Costa. A escola promete anunciar o enredo nesta quinta no mesmo horário do sorteio.

Depois de um desastroso desfile em 2019, o pior em toda a sua história, a Beija-Flor de Nilópolis busca se reorganizar para voltar a brigar pelas primeiras posições. O carnavalesco campeão em 2007, 2008 e 2011, Alexandre Louzada, fará dupla com Cid Carvalho, vencedor em 1998, 2003, 2004 e 2005. Além deles chega o diretor de carnaval Dudu Azevedo. A escola apresentará o enredo ‘Se essa rua fosse minha’.

Mais uma vez injustiçada pelo julgamento, a São Clemente se encaminha para o seu décimo desfile consecutivo no Grupo Especial. É a maior sequência da outrora escola iôiô na elite do carnaval na história. Para o desfile de 2020 todo o time foi mantido e o carnavalesco Jorge Silveira vai desenvolver o enredo ‘O conto do vigário’, nova temática com crítica social irreverente.

A Estácio de Sá volta ao Grupo Especial depois de sua última participação em 2016. A vermelha e branca foi a segunda escola a conseguir o acesso duas vezes desde a criação da Lierj em 2013. A primeira havia sido a Viradouro. A escola aposta na mesma estratégia da União da Ilha em 2010, e repatria Rosa Magalhães, autora do enredo da escola no Carnaval 1987, o inesquecível ‘O tititi do Sapoti’. O enredo para 2020 será anunciado apenas no mês de agosto.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui