Os presidentes e representantes das 12 escolas de samba do Grupo Especial aprovaram o calendário de gravações e apresentações das finalíssimas dos concursos de sambas-enredo para o Carnaval de 2022. A TV Globo exibirá cinco programas semanais que irão ao ar entre 16 de outubro e 13 de novembro – neste último, os 12 sambas vencedores serão apresentados para todo o Brasil, simultaneamente. No calendário aprovado pelas escolas, as gravações acontecerão na Cidade do Samba, já com a troca da cobertura da tenda principal e camarins reformados, nos dias 28, 29 e 30 de setembro, e 1º de outubro. Em cada uma dessas datas serão gravadas as disputas de três escolas.

Foto: Henrique Matos/Liesa

“A TV Globo está sendo parceira até para revitalizar a Cidade do Samba, tem algumas melhorias que são doações dela para Liga. A gente está tendo oportunidade de acelerar essa revitalização da Cidade do Samba, já teve a mudança da tenda que foi concluída essa semana. Aquela tenda que estava lá há 16 anos, já conseguimos mudar no nosso primeiro ano de gestão, que é muito importante para a melhor utilização dessa ferramenta”, disse Gabriel David, diretor de marketing da Liesa.

Ele também pediu o apoio do mundo do samba. “É um programa que estou muito feliz em conseguir angariar com a TV Globo. É o início de um projeto, o início de uma propriedade que eu espero que aconteça durante muitos e muitos anos. Sei que as pessoas todas estão ansiosas por esse programa, vejo a repercussão toda na internet. Acho que toda crítica é justa e cabível. Mas também queria pedir o máximo de apoio da galera do carnaval, para todo mundo do mundo do samba ajudar na audiência desse programa, ajudar na divulgação, porque é uma receita nova para as escolas e quanto maior for a visibilidade e sucesso desse programa esse ano, maior é a certeza de que ele vai acontecer nos anos seguintes de uma forma cada vez melhor. Fora de um momento de pandemia, se Deus quiser, onde a gente possa explorar essa propriedade das escolas de uma forma ainda mais eficaz. Tem vários protocolos sanitários que serão extremamente respeitados ao longo das gravações desses programas. Por isso, até a limitação, de certa forma, de público dentro da Cidade do Samba durante esses dias. Algumas escolas se limitaram até em não trabalhar nesses dias pra evitar qualquer tipo de quebra de protocolos, respeitando essa ideologia super necessária da TV Globo. A gente sabe que isso é caro de ser feito, a TV Globo está investindo uma grana para que isso aconteça”, explicou Gabriel David.

Os camarins estão sendo reformados para serem usados nas gravações da TV Globo e no espetáculo de reabertura da Cidade do Samba

Abaixo, você pode ouvir os sambas. Só clicar no nome das escolas

VIRADOURO
GRANDE RIO
MOCIDADE
BEIJA-FLOR
SALGUEIRO
MANGUEIRA
PORTELA
VILA ISABEL
UNIDOS DA TIJUCA
SÃO CLEMENTE
PARAÍSO DO TUIUTI
IMPERATRIZ LEOPOLDINENSE

As escolas se comprometem a levar apenas os sambistas (cantores, ritmistas e outros) designados para as gravações, dentro dos limites estabelecidos. Não será permitida a presença de público. Segundo a Liesa, haverá uma equipe sanitária verificando, rigorosamente, os protocolos estabelecidos pelas autoridades municipais, promovendo, inclusive, o teste de Covid-19 em pessoas da produção presentes no local. Veja abaixo as datas das gravações e dos programas na TV Globo.

Comentários