A Unidos da Ponte já tem os novos defensores do primeiro pavilhão meritiense. Após assumir o cargo faltando 13 dias para o carnaval, Emanuel Lima foi confirmado como primeiro mestre-sala para 2023. Thainara Matias, que desfilou como segunda, também foi promovida e juntos formam o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira.

Foto: Divulgação

Estreando como primeira porta-bandeira na Marquês de Sapucaí, Thainara comemora e revela estar realizando um sonho. “Me sinto privilegiada em realizar o sonho de ser primeira porta-bandeira na Sapucaí pela agremiação que me abriu as portas com tanto carinho. É um orgulho imenso representar a nossa comunidade, suas cores e história. Dedicação, respeito e garra nunca faltarão. Sou muito grata à direção pela confiança e oportunidade!”, disse Thainara.

Emanuel também comentou sobre o desfile de 2022 e a expectativa para o próximo carnaval. “A confiança que a Unidos da Ponte depositou em mim há 13 dias do carnaval, elevou a minha própria confiança, foram os dias mais intensos e dedicados da minha vida. Minha gratidão retornará em forma de muito trabalho e dedicação, esse início será extremamente importante para o resultado que nossa escola merece”, finalizou o Mestre-sala.

Além da novidade, a escola também já anunciou a renovação dos carnavalescos Guilherme Diniz e Rodrigo Marques, do mestre de bateria Branco Ribeiro e do intérprete Charles Silva.

Comentários