A Unidos do Viradouro e o carnavalesco Paulo Barros não continuarão a parceria iniciada para o Carnaval deste ano, que deu o vice-campeonato do Grupo Especial à vermelho e branco.

A diretoria da agremiação não se sentiu confortável com a contratação de Paulo Barros por uma escola do Carnaval de São Paulo, o que impediria que ele se dedicasse integralmente ao projeto da escola de Niterói para 2020. O desconforto foi externado pela diretoria ao carnavalesco, que preferiu, então, se desligar da Viradouro.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui